segunda-feira, maio 9

A Pedra


A pedra?
No meio do caminho?
Eu queria mesmo descansar
Do que?
De você, de Mim, de tudo
Da guerra não fujo
Mas as batalhas sou “Eu” quem escolho
Pois mentiras, prefiro as minhas
Portanto a pedra tem o significado que “Eu” quiser
E as minhas pedras não estão nos sapatos
Não estão na funda
Tampouco lançadas à minha cabeça
Estão debaixo da minha “Bunda”
Pois pra Mim, as pedras são pra se sentar


Gutemberg de Moura

Nenhum comentário:

Postar um comentário